Mundo

TDAH: O que é, causas e sintomas

O Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) é um distúrbio neurobiológico de origem genética que surge na infância e muitas vezes persiste ao longo da vida. Ele se manifesta por meio de sintomas de desatenção, inquietude e impulsividade. Em alguns lugares, é chamado de DDA (Distúrbio do Déficit de Atenção), ADD, ADHD ou AD/HD em inglês.

TDAH O que é?

O TDAH é oficialmente reconhecido por vários países e pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Em alguns lugares, como nos Estados Unidos, as pessoas com TDAH são protegidas por lei para receberem tratamento diferenciado na escola.

Não há controvérsia científica sobre a existência do Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade. Há um consenso internacional entre renomados médicos e psicólogos que respalda a realidade desse transtorno. No entanto, algumas pessoas contestam sua existência, seja por falta de informação, falta de formação científica ou, em alguns casos, por interesses próprios, alegando que o TDAH é uma invenção médica para lucrar com tratamentos.

O TDAH é bastante comum, afetando de 3% a 5% das crianças em diferentes regiões do mundo. Cerca de metade dos casos persiste na vida adulta, embora os sintomas de hiperatividade sejam geralmente mais brandos nessa fase.

Sintomas da TDAH

Os sintomas do TDAH incluem desatenção e hiperatividade-impulsividade. Na infância, isso pode levar a dificuldades escolares e problemas de comportamento. Em adultos, manifesta-se como desatenção em atividades cotidianas, inquietação e impulsividade. Além disso, os adultos com TDAH frequentemente enfrentam outros problemas, como uso de drogas, ansiedade e depressão.

Causas do Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade

As causas do TDAH envolvem fatores genéticos, hereditariedade, exposição a substâncias durante a gravidez (como álcool e nicotina), possíveis complicações durante o parto, exposição ao chumbo e, em menor medida, problemas familiares. Não há uma única causa, mas uma combinação complexa de fatores genéticos e ambientais.

É importante destacar que o Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade não é causado por fatores culturais, educação dos pais ou conflitos psicológicos, e sua existência é respaldada por extensas pesquisas científicas. Teorias sobre corantes, adoçantes, luz artificial, deficiência hormonal e deficiências vitamínicas como causas foram investigadas e descartadas pela comunidade científica.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo